Fisioterapia | Guia de Cursos e Mercado de Trabalho

Fisioterapeuta, o profissional que previne e trata lesões e doenças: Há muito tempo, quando os ancestrais descobriram que esfregar o local dolorido diminuía a dor, dava-se início aos primórdios da fisioterapia.

A Profissão do Fisioterapeuta

Como profissão, ela nasceu por volta do século XX. As duas guerras mundiais deixaram para trás um grande número de pessoas com ferimentos e lesões. Para reinserir essa gente toda na vida ativa, era necessário um tipo de reabilitação. Por isso, no início foi executada nos campos de batalha por voluntários.

As mudanças tecnológicas ocorridas naquele século proporcionaram mudanças e descobertas para a prática da fisioterapia. No decorrer dos anos, se desenvolve como uma ciência própria e passa a requerer um campo de atuação específico, tornando-se independente das demais áreas da saúde.

Curso de Fisioterapia

Hoje, o profissional terapeuta é aquele que previne e trata lesões e doenças. Para isso, emprega técnicas específicas, como ginástica e massagens.

Cabe ao fisioterapeuta ainda o diagnóstico de vícios de postura, acidentes, má-formação. As massagens aplicadas no paciente possuem a finalidade de manter a capacidade funcional e física. Existem ainda os tratamentos feitos com calor, água, frio e outros aparelhos específicos.

O fisioterapeuta auxilia ainda na recuperação de pessoas com distúrbios neurológicos, respiratórios ou cardíacos, sejam essas crianças, gestantes, idosos ou com deficiência mental ou física.

Mercado de trabalho em fisioterapia

Como a população brasileira está envelhecendo, a tendência é que aumente a demanda por profissionais da área, principalmente aqueles que irão atuar em serviços de alívio de dores crônicas e reabilitação dos movimentos dos pacientes. Nos principais centros urbanos, quem acaba de sair da faculdade pode encontrar dificuldades em áreas mais tradicionais, como a neurológica, ortopédica ou respiratória.

Outras especialidades da fisioterapia, contudo, são mais promissoras, tais como saúde da família e do trabalhador, oncologia, desportiva, dermatofuncional e reabilitação cardiovascular. Na área hospitalar, a demanda por profissionais é sempre presente. As secretarias de Saúde e Apae(s) também necessitam de fisioterapeutas com frequência.

Áreas de atuação do fisioterapeuta

As áreas de atuação do fisioterapeuta incluem ainda estética, indústria de equipamentos, pneumologia e terapia intensiva. O Sudeste é a região que possui o maior número de vagas de emprego e chance de salários melhores. A facilidade, porém, é encontrar trabalho no Nordeste e Norte do país. O Exército Brasileiro, desde 2015, inclui Terapia Ocupacional e Fisioterapia no plano de carreira. As oportunidades podem ser preenchidas por meio de concurso público.

Guia de Profissões

Saiba mais sobre o curso de fisioterapia, mercado de trabalho e áreas de atuação do fisioterapeuta, profissão em alta no guia de profissões e carreira … Continuar lendo