Hip-Hop: Uma história de resistência em forma de rimas

O Movimento Hip-Hop continua forte no cenário musical brasileiro. Mais que, uma manifestação cultural, o Hip-Hop é um movimento político da consciência negra dentro da cultura brasileira.

Um estilo musical que conquistou ramificações além dos guetos. Seus elementos estão presentes na moda, no estilo de vida, e, em outras manifestações culturais como: o rock, soul, gospel, e no blues.

Mas é inegável a importância do Rap na quebra de paradigmas, preconceitos e consciência negra. Contextualizando o surgimento do Hip-Hop nos Estados Unidos na década de 1970. Época de grandes turbulências sociais, o pais envolvido na guerra do Vietnã  que marcou profundamente a sociedade americana.

A História do Hip Hop – O Rap como resistência e manifestação cultural

Neste mesmo período o Estados Unidos principalmente os subúrbios dos grandes centros como Nova York.

A difusão de preconceitos étnicos, a violência das gangues, o tráfico de drogas e os sérios problemas educacionais deixava o país em uma eminente guerra civil e racial.

Dentro deste cenário turbulento, negros e latinos se reuniam nas ruas do bairro do Bronx em Nova York, e através da música, da arte e da dança nasceu o Hip-Hop.

Uma fusão de quatro elementos que definiram a sua identidade que são:

  • Os DJ responsáveis por criar novos sons e bases;
  • Os B.Boy criando as danças e coreografias;
  • Os MCs responsáveis pela letras e improvisações, uma das características do Hip-Hop e
  • Os Grafiteiros que criaram a imagem visual e gráfica do Hip-Hop.

Com esse singular essa receita o ritmo está cresceu e conquistou o mundo.

No Brasil, o Hip-Hop chegou na década de 1980. Nelson Triunfo é um do pioneiros do movimento Hip-Hop Brasil

Foi através de bailes e lojas de discos especializadas localizadas nas galerias da rua 24 de Maio na cidade de São Paulo.

O Movimento foi tomando forma e consistência e o pessoal se reunia no centro da cidade de São Paulo para danças break e improvisos de rappers.

Desse período surgiu nomes como Thaíde & DJ Hum, MC/DJ Jack, Os Metralhas, Racionais MC’s, Os Jabaquara Breakers.

Na década de 1990 foi o grande auge do Hip-Hop Brasil com a explosão dos Racionais MC’s invadindo todas as FMs brasileira.

Mais histórias