Comprar pacotes de viagens e passagens no boleto bancário parcelado

Com as mudanças econômicas e crise financeira, muitas pessoas, deixaram de priorizar o uso do cartão de crédito. Por outro lado, isso dificulta o acesso e diversos serviços, entre eles, o de turismo. Isso porque, dados do IBGE, aponta que quase 50% da população economicamente ativa, não possuem conta em banco. Ou seja, em números reais, isso representa um universo de quase 60 milhões de pessoas. Para as agências de viagens, é um número considerável de potenciais consumidores.

Uso do boleto na compra de pacotes de viagens e passagens aéreas

Pensando nisso, muitas agências e serviços de viagens, passaram a aceitar o parcelamento no boleto, como uma nova opção de pagamento.

A demanda pelo pagamento de serviços de viagens no boleto, vem aumentando muito, e promete ser um dos principais meios de pagamento do setor. Um exemplo fica por conta das lojas físicas da CVC Viagens, onde, essa modalidade de pagamento, já representa 30% de suas vendas. Além da CVC, também é possível parcelar as compras no boleto bancário na ViajaNet e no Hotel Urbano.

Cada operador, trabalha com uma política de aprovação desse tipo de crédito. Em alguns serviços, é possível comprar no boleto, sem a consulta do nome nos serviços de proteção ao crédito como SPC e SERASA.

Por ser uma operação de maior risco para as agências. Comprar no boleto serviços como pacotes de viagens e passagens aéreas, podem sair um pouco mais caro para o consumidor. Isso porque, são incluindo algumas taxas operacionais. Entre elas, estão os juros mensais, multas por atrasos, além disso, o não pagamento, o consumidor pode ter seu nome negativado.

Apesar disso, é importante ressaltar que, para quem paga em dia, o pagamento parcelado no boleto, os juros são bem abaixo, dos cobrados pelas operadoras de cartão de crédito.